Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

As vezes é preciso pedir um tempo na relação

Ao longo dos anos, as relações podem entrar no modo automático e seus integrantes podem sentir que estão estagnados na relação, como se a mesma não tivesse futuro ou como se ela estivesse parada no tempo.

Todas as relações tendem a modificar-se e até mesmo evoluir conforme o tempo vai passando e apesar disso ser uma tendência, nem sempre é o que acontece. Pensando em alguns pontos negativos das relações, vou dar 5 dicas para saber quando é a hora de pedir um tempo na relação.

Lembrando que esse tempo pode servir para refletir sobre o futuro da relação, que poderá continuar, ou pode servir também para o término da mesma, já que pode acontecer de que o casal separado perceba que terminar é o melhor.

1. Sentimento de incerteza ou incompletude

Quando o parceiro começa a despertar mais sentimentos negativos do que positivos na relação, podem aparecer algumas incertezas referentes ao futuro e qualidade da mesma. Esse sentimento geralmente é passageiro, podendo ser consequência de uma fase difícil na relação. O problema é quando ele se prolonga, deixando de fazer parte da fase difícil para se tornar uma constante na relação (pelo menos para um dos integrantes).

Por trás desse sentimento de incerteza pode haver um sentimento de incompletude, como se o relacionamento não fosse mais complementar e, pelo contrário, estivesse tirando mais do que dando.

Esse pode ser um fator importante para o pedido de tempo: servir para a reflexão sobre o futuro da relação. É preciso pensar sobre como está a relação e quais são suas metas e objetivos. Esse tempo pode servir também para amenizar alguns sentimentos negativos e dar ânimo para a próxima etapa do relacionamento.

2. Necessidade de novas experiências

O relacionamento exige necessariamente que os integrantes passem muito tempo juntos. É comum que as pessoas comecem a abrir mão de algumas atividades que já foram rotineiras para elas, visando passar mais tempo com o parceiro. Ao longo do tempo, essa atitude pode começar a pesar no relacionamento e a vontade de voltar a realizar aquelas atividades começa a ser maior do que a vontade de estar com o parceiro, ou até mesmo a vontade de realizar novas atividades, em busca de novas experiências pode também se tornar maior do que a vontade de estar com o parceiro. Dessa forma, pode ser que seja inviável realizar essas atividades e estar com o parceiro.

É possível então pedir um tempo para que essas atividades sejam realizadas, servindo para que você possa mensurar o que você prefere ter, um parceiro ou a liberdade de algumas atividades que não conseguirá realizar estando com comprometida. É interessante deixar bem claro os reais motivos deste término, tendo em vista que o parceiro também abriu mão de outras experiências para estar com você.

3. Quando há o desejo de mudança

O pedido de tempo pode servir para que os integrantes busquem algum tipo de mudança no relacionamento, visando melhorar a qualidade do mesmo. Quando os integrantes sentem que o relacionamento caiu na rotina ou que ele está no modo automático, sempre com as mesmas atividades, mesmo programas e assim por diante, pode então surgir o pedido de tempo.

Esse pedido geralmente serve como uma motivação para que os integrantes mudem, buscando novas formas de convívio e de melhora na relação, visando continuar juntos.

Nesse caso pode ocorrer também o contrário e esse pedido de tempo tornar-se um término permanente, pois um dos dois pode perceber que deseja não estar mais em um relacionamento. Apesar dos riscos, pode ser uma forma de ter um relacionamento saudável e melhorado.

4. Quando há dúvidas quanto ao término

Muitas vezes quando estamos pensando em terminar um relacionamento, ele está enfrentando alguns problemas. Mesmo quando o término ainda é apenas uma hipótese, é interessante pedir um tempo (antes de realmente terminar o relacionamento), para observar os sentimentos que irão emergir durante este período, para que seja possível e até mais fácil, decidir se o término é realmente a solução ou se o casal conseguirá ainda retomar a qualidade do relacionamento.

Nesse pedido de tempo é interessante deixar claro as intenções de término e o objetivo desse tempo. Assim, ele serve também para que o parceiro reflita sobre o relacionamento, criando suas próprias opiniões sobre o futuro do mesmo.

5. Para aprimorar os laços afetivos

O pedido de tempo não precisa ser sempre negativo, ele pode servir também para reavivar ou melhorar os laços afetivos do casal.

Esse tipo de tempo é diferente dos outros porque nele existem algumas regras que o casal pode criar, tendo como objetivo apenas fazer com que o casal se distancie e sinta saudade um do outro para apimentar a relação. Nesse caso é preciso que fique claro para o casal que não é um “pedido de tempo comum” e que os compromissos da relação continuam os mesmos, havendo apenas uma distância física. Esse pode ser um bom momento para o casal buscar novas formas de convívio e perceber como o outro lhe faz falta.        

O que achou do artigo?

comentários

Cérebro Masculino

O Cérebro Masculino é um blog feito para ajudar as mulheres a entenderem como funciona a cabeça dos homens.

Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Deixe seu comentário

Este artigo não possui comentários

PEGUE-O NA MENTIRA

Descubra quando um homem está mentindo pra você! Digite seu e-mail abaixo e receba um VÍDEO GRÁTIS te contando todos os segredos.