Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Olá Marcio bom dia!

Como saber se ele está afim de mim? Parece pergunta de adolescente, mas não é. Sou uma balzaquiana. Tenho um amigo há quatro anos, trabalhamos juntos e sempre foi só amizade, nada além do respeito bilateral. Porém, desde março observo uma mudança neste ser, ele ficou mais solto, passamos a trocar e-mails falando de sexo. Como ele estava num relacionamento, sempre respondia de forma técnica sem emoção. Passado um tempo ele queria “ficar” do nada e até tentou me beijar, etc.

  Pensei, qual é a desse cara? Será que me confundiu? Passada essa primeira manifestação, as outras foram mais mecânicas, do nada ele tem uma ereção e passa a suplicar por um blowjob, por exemplo.

 Confesso que já atendi por quatro vezes a proposta citada e foi só o que aconteceu! A dúvida é, o que mudou nesses 4 anos que de repente ele quis ser o Pau Amigo? Ele fala que não quer compromisso, só visa o momento e o prazer, no entanto marca território, arruma motivos pra ir em minha mesa, me olha fixamente como se quisesse enxergar minha alma, quer saber da minha vida, de minha família.

 Assim como partilha os vários temas de sua vida privada, faz questão de me levar pra casa todos os dias, além dessas manifestações basta ficarmos a sós que ele tenta adicionar uma sacanagem no contexto, num “zap”  fica ereto. Por favor, me ajude, pois é confuso e acho que estou gostando dele, mas não quero demonstrar.

Grata.


 Prezada H.,

Sensual

 “A mulher de 30 anos tem atrativos irresistíveis”. Essa frase foi imortalizada pelo romancista francês Honoré de Balzac, um dos maiores nomes do realismo na literatura. Ele se referia às damas que haviam vivido mais de três décadas. Seu livro “A mulher de trinta” é primoroso no que diz repeito a descrição da vida e sentimentos da mulher e foi escrito há mais de 150 anos. Nele, podemos acompanhar a história de Julie, que vive às voltas com problemas fundamentais da vida amorosa e emocional além de reflexões sobre o fracasso do casamento.

 A partir disso, utilizou-se a expressão mulher balzaquiana em referência às mulheres de trinta anos ou mais. São mulheres que estão claro, se descobrindo, mas se permitindo viver coisas munidas de bagagem, onde as escolhas feitas tem mais qualidade e não batem de frente com uma questão moral forte e inflexível porque ela quer felicidade e não julgamentos ou censura.

 Não creio que exista algo confuso no seu relacionamento com esse tal P.A. Acredito que as coisas começaram a ficar um pouco confusas a partir do momento que você se viu misturada e com os sentimentos mais próximos dessa pessoa. Porque desde o começo para ele ficou claro que a relação é aquilo. Satisfação do prazer, e pelo contexto, esse prazer está além do sexual, há a companhia, a demonstração de desejo. O que mudou nesses quatro anos? Bom, foi a proximidade é claro, isso facilitou e muito ele investir para um algo a mais, visto que vocês já mantinham certo contato.

 Vale muito apena você observar o que você quer desse relacionamento. E nem estou dizendo que você deveria dar um nome como namoro ou algo mais. É importante pensar que é possível viver relações que nos proporcionem prazer, alegria e satisfação e não necessariamente estão nos moldes do pregado na convivência da sociedade. Libertar-se de estereótipos lhe faz ter uma mente mais aberta para saber até onde quer ir com alguém.

 Da parte dele é sexo, e ponto. A não ser que vocês sentem para ter uma boa conversa e ali seja decidido se será algo diferente ou não daqui pra frente. No mais, se você se sente bem, ele te respeita, lhe dá prazer e vocês se divertem juntos isso com certeza é algo de grande valia. Muitas vezes Pinto Amigo é só amigo e dele mesmo ainda por cima, no mais puro egoísmo narcísico.

 Se em algum momento você perceber que o sentimento ali está se tornando algo mais sério, cabe conversar com ele para que não chegue ao ponto de você ficar esperando um carinho e receber apenas uma “pintada“.

Até mais!!

Márcio Oliveira

[email protected]
Meu Blog: As Palavras

Tem pressa para receber sua resposta? Deseja atendimento personalizado e ao vivo? Assine um Plano
VIP
.

Siga o Cérebro Masculino nas redes sociais clicando AQUI e
saiba instantaneamente quando o blog é atualizado.

O que achou do artigo?

comentários

Márcio Oliveira

Psicólogo, consultor de relacionamentos e quase Mestre pela USP-SP. Meio NERD, completo romântico, mas não abre mão de um intenso beijo na boca e um alinhamento entre coração, corpo e mente.

Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Deixe seu comentário

    Amei a resposta Márcio!!! Bom saber que sou QUASE um Balzaquiana, deixa no quase rsrsrsrsr

PEGUE-O NA MENTIRA

Descubra quando um homem está mentindo pra você! Digite seu e-mail abaixo e receba um VÍDEO GRÁTIS te contando todos os segredos.