Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

casal feliz

“Meu bebezinho lindo, que xaudadi de voxê!”


Sentiu ânsia de vômito ao ler? É, eu também. Mas segundo uma pesquisa realizada nos Estados Unidos,  75% dos entrevistados admitiram usar um linguajar mais infantil com o parceiro. E de acordo com os resultados, os casais que falam como bebês um com o outro, demonstraram maior intimidade, segurança e satisfação no relacionamento. E mais: ainda têm uma vida sexual mais movimentada.

Por que isso ocorre?

Segundo os especialistas, porque ao assumir o lado romântico e infantil sem medo, abandonando o lado de adulto, a pessoa libera os seus medos e se permite criar um nível de intimidade mais elevado, o que melhora o relacionamento.

Até que faz sentido, mas aqui em casa  um trata o outro muito bem e de maneira carinhosa e romântica, sem apelidos ou linguajar infantil e somos bem felizes. Já está bom demais assim hehe

E você? Fala como bebê com o seu amor?

O que achou do artigo?

comentários

Alexandre Chollet

Consultor de relacionamentos. Escreve sobre relacionamentos e comportamento humano e dá treinamentos para pessoas que desejam melhorar sua vida, seja no aspecto pessoal, profissional ou de relacionamentos.

Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Deixe seu comentário

    Eu não senti ânsia de vômito ao ler isso. Cada um tem seu estilo… Alguns caras são fofinhos, falam coisas fofas, daí dá vontade de falar com essa voz infantil e carinhosa com eles… Mas não exagero.

PEGUE-O NA MENTIRA

Descubra quando um homem está mentindo pra você! Digite seu e-mail abaixo e receba um VÍDEO GRÁTIS te contando todos os segredos.