Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Os comportamentos negativos em um relacionamento amoroso

Muitas vezes nos perguntamos como devemos agir frente a alguns comportamentos negativos que possam existir no relacionamento. Podemos entender os comportamentos negativos como a traição, a falta de atenção, a frieza, as mentiras e assim por diante. Quando estes comportamentos ocorrem por parte do parceiro, podemos não saber bem o que fazer nem como agir diante deles. Algumas pessoas tendem a dizer que é preciso “pagar na mesma moeda” para o outro “aprender” afirmando equivocadamente que somente assim será possível superar estes comportamentos.

Vamos pensar no caso de uma traição. Será mesmo que a única forma de superar a traição é fazendo o mesmo? Será que se fizermos o mesmo iremos ensinar algo para  parceiro? Ou ainda, será que traindo de volta irei me “vingar” e não sofrerei tanto?

A resposta para essas questões é: não! “Dar o troco”, como falamos no nosso cotidiano é uma forma de fazer com que o problema continue existindo e pior, acaba agravando o problema. Dar o troco, por mais que pareça certo para algumas pessoas, é uma forma de tentar resolver um problema adicionando mais problemas na relação. Não é isto que desejamos. Todos esses comportamentos  traição, mentira, frieza, falta de atenção – ocorrem por algum motivo. Fazer o mesmo com o parceiro por ele estar fazendo isto conosco é levar a relação para o caminho do término.

Mas então, o que pode ser feito quando isto está acontecendo em um relacionamento?

Pois bem, primeiro é preciso pensar em como está o relacionamento atualmente. Em relacionamentos a longo prazo, os integrantes podem deixar de priorizar um ao outro ou até mesmo deixar os problemas irem se acumulando ao longo do tempo sem que nenhum seja resolvido. Desta forma, com o tempo, os comportamentos negativos vão ocorrendo em consequência de problemas não resolvidos no passado.

É preciso conversar com o parceiro – tendo em vista que a falta de comunicação é tida como a principal causa de término nos relacionamentos – sobre os motivos destes comportamentos. Quando você perceber que seu parceiro está tendo comportamentos negativos na relação, o primeiro passo seria explicar para ele que você está percebendo estes comportamentos. O mais comum é fingirmos não perceber e fingirmos também que estes comportamentos não estão nos afetando. Esses comportamentos negativos podem estar acontecendo porque o parceiro quer que você reaja a eles e quando você não o faz, a frequência e intensidade destes acabam aumentando.

Comunicar que está percebendo estes comportamentos significa dizer ao parceiro que algo não está funcionando no relacionamento. Lembrando que esta comunicação deve ser feita de forma aberta e clara sem culpar o outro, apenas colocando seu ponto de vista sobre o relacionamento de forma que deixe aberto para o parceiro também se comunicar e esclarecer seu ponto de vista.

Após esta comunicação inicial, é interessante então conversar sobre o relacionamento e sobre os motivos de esses comportamentos negativos estarem acontecendo. Caso você tenha uma opinião sobre o motivo destes comportamentos, é interessante comunicá-la. Por exemplo, se você acredita que seu parceiro está te tratando com frieza porque ele esta com ciúmes de você, é possível comunicar isto para ele, sugerindo que é apenas uma possibilidade e não uma verdade absoluta. “Será que você vem agindo assim porque está sentindo ciúmes?” ou “Será que você está agindo assim pelo que aconteceu/ou por algo que eu fiz?”. Estes são alguns exemplo de como perguntar de uma forma que não afirme nem culpe o outro, pois se o outro sentir-se culpado talvez ele não seja sincero na resposta e não é isto que queremos.

Buscar a causa dos comportamentos não irá resolve-los, apenas nos ajudar a compreendê-los. Por isto, é preciso traçar um plano junto com o parceiro para que ambos possam comportar-se de maneira mais saudável um com o outro. Assim como é possível estabelecer regras para quando alguém sentir-se “agredido” no relacionamento. Por exemplo, é possível ter uma “palavra chave” para falar ao parceiro sempre que ele disser ou se comportar-se de forma negativa com você e vice-versa de forma que avise ao parceiro para parar de fazer o que está fazendo pois está sendo ruim para você.

Outra dica também é tentar sempre dizer o que esta acontecendo. Quando você está com ciúmes, é possível dizer isto para o parceiro. No lugar de apenas sugerir, dizer “eu estou com ciúmes” e explicar os motivos de estar sentindo estes ciúmes.

  • Estas reflexões servem mais para casos de comportamentos negativos que ocorrem diretamente com o parceiro. Desta forma, quando ocorre a traição, podem existir outras formas de lidar com ela que requer um texto apenas sobre este tema.

O importante é sabermos que dar o troco dificilmente resolverá um problema, e sim poderá acarretar outros. Devemos sempre pensar nos nossos comportamentos e no comportamento do parceiro, assim como, nas suas consequências. Externalizar os nossos sentimentos e pensamentos que sejam referentes ao próximo é a maneira mais saudável de conviver.

O que achou do artigo?

comentários

Cérebro Masculino

O Cérebro Masculino é um blog feito para ajudar as mulheres a entenderem como funciona a cabeça dos homens.

Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Deixe seu comentário

Este artigo não possui comentários

PEGUE-O NA MENTIRA

Descubra quando um homem está mentindo pra você! Digite seu e-mail abaixo e receba um VÍDEO GRÁTIS te contando todos os segredos.