Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Passando a tiara

Sexo Tati Daniel

Fiz um chá de lingerie final de semana que estava ‘supimpa’! Na minha época, usávamos este termo para dizer que foi muito legal e divertido.

Como na maioria deles, as convidadas sempre ficam intimidadas no início e boa parte delas preferem ficar no anonimato até o final. Até penso que elas tem esse direito, apesar dessas se divertirem ou se surpreenderem com as histórias das amigas.

diabinhaÉ que uma das brincadeiras, quando a noiva aplica o castigo na convidada, ela passa a tiara de diabinha para uma amiga  contar alguma aventura sexual inédita. Geralmente algumas resistem, mas no final todas riem (mesmo sendo riso nervoso) ao ouvirem, por exemplo, a história do sexo no meio do canavial, na caçamba do carro em plena faculdade ou ainda dentro do vestiário da magazine (como o Michel e a Patrícia da novela Amor à vida).


Todas as histórias são contadas com entusiasmo, excitação, alegria… e sabe por quê? Porque é vida! Gostar de falar, de fazer, não torna uma mulher inferior às outras,muito pelo contrário. Sem ser esta a verdadeira intenção, mas acabamos é sendo invejadas!

E no final a brincadeira sobrou para quem? Para a organizadora aqui!

Quem disse que não fiquei intimidada também? Que seja somente por alguns segundos, porque logo quebrei o silêncio unânime para contar a realização de um fetiche…

Eu sempre quis transar em um local público, e em situação de risco. Então pensei num banheiro masculino de algum shopping center, mas eu nunca encontrei nenhum louco disposto a se arriscar comigo.

Até uma noite, após a última sessão de cinema. Compramos outro pacote GG de pipoca caramelada, e ao passarmos pelo corredor do toalete, nos olhamos e pensamos o mesmo; sem trocarmos uma palavra, nos sentamos e ficamos aguardando diminuir o movimento.

Meia hora se passou e acho que todo mundo resolveu fazer xixi à meia-noite! Então lembrei-me que aquela hora, as lojas estavam fechadas, e resolvemos nos aventurar no andar de baixo.

Entramos correndo para dentro do banheiro masculino e nos trancamos dentro de um reservado. Ali nos curtíamos até alguém entrar. Aquilo tudo me divertia tanto que comecei a rir alto, e com certeza, o homem que ali entrou se assustou! Se assustou e ficou curiosíssimo né, porque depois de usar o mictório, ele lavou as mãos!!!!!!!

Eu sei, vocês dirão que faz parte da higiene pessoal de qualquer ser humano, mas é comum homens não lavarem as mãos; pior : já viram eles secarem suas mãozinhas no secador????

Imaginá-los curiosos e enrolando ali dentro para surpreender a mulher misteriosa do riso desenfreado, fazia com que eu risse ainda mais!!!

O vulgo saiu, meu namorado em seguida, e eu fiquei aguardando abrir alas para passar. Quando me avisou que a barra estava limpa (sim, porque o mocinho ficou do lado de fora aguardando a namorada sair do toalete feminino, e fez questão de cumprimentar com um sorrisinho sarcástico), saí filmando os mictórios com o celular, porque se contasse, minhas amigas da faculdade duvidariam…rs

Não contente, sai acenando para a câmera de segurança do hall, mas ninguém veio nos prender nem nos expulsar do shopping. Também, de madrugada, os seguranças deveriam estar cansados (ou dormindo) e não iam perder tempo com duas crianças travessas!

Isso mesmo, é assim que me sinto: uma criança inocente brincando no Jardim do Édem! E ainda há quem olhe com maus olhos para o comportamento de uma criança travessa, quando não a castiga… Adulto malvado!!!

Só paga o pato quem se coloca na condição de ser castigada. Eu, apesar das críticas, estou nem aí para a fala alheia: dou minha cara para bater, mas não deixo por nada esta vida intensa.

Lembrando aos fariseus do nosso século, que o próprio Jesus disse que para entrar em Seu reino, teremos que ser crianças novamente, tá!

Na verdade esta foi somente uma das muitas traquinagens que aprontei. Enquanto tiver saúde e disposição, espero continuar com a tiara…rs… mas não me importo por emprestá-la caso alguém ouse contar aqui a sua diabrura…hehe

E que venham muitas histórias!

 

O que achou do artigo?

comentários

Tati Daniel

Mulher bombril, mãetorista, consultora sensual e graduanda em psicologia

Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Deixe seu comentário

    Pois é, ríamos bastante delas nos velhos tempos né amiga?!kkkkkkkk

    Não sei porquê não me espanto com essas histórias não é Tati Daniel, kkkkkk

    Muito Bom …

PEGUE-O NA MENTIRA

Descubra quando um homem está mentindo pra você! Digite seu e-mail abaixo e receba um VÍDEO GRÁTIS te contando todos os segredos.