Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Como saber se você está em um relacionamento abusivo

Muitas mulheres estão em relacionamentos abusivos e não se dão conta disso. Será que é o seu caso? Confira algumas situações para saber se você está em um relacionamento abusivo com seu parceiro.

O que é relacionamento abusivo?

Antes de tudo, quero explicar como pode ser um relacionamento abusivo. A palavra vem de abuso, ou seja, quando abusam de você ou da sua boa vontade. Se você sente que seu relacionamento com o parceiro não faz bem, que é algo estranho e que te destrói, você pode estar passando por essa situação.

Para saber se você está em um relacionamento abusivo, perceba se seus parentes ou amigos estão se distanciando de você por causa do parceiro e se parece que a sua relação com ele é algo que te tira algo, não que te completa.

Sinais de manipulação

casal-triste

Parece que seu parceiro, sutilmente, mas constantemente, está te manipulando? Verifique alguns exemplos de manipulação que podem acontecer em um relacionamento abusivo:

– zoação contigo na frente dos seus amigos ou de sua família;

– falta de incentivo;

– uso de intimidação, culpa ou até ameaças. Por mais absurda que seja a situação, ele sempre consegue fazer com que você se sinta culpada;

– dizer como deve se vestir, que calçados usar ou forma de pentear os cabelos;

– te dizer que você não pode largá-lo porque sem ele você não é nada;

– te tratar de forma grosseira, com ou sem agressão física (tapas, beliscões, arranhões, etc.);

– ligar para saber se você realmente está onde disse que estaria;

– culpar drogas ou álcool pelo mau comportamento dele;

– forçar você a transar com ele, mesmo que você claramente não queira;

– te deixa com a sensação de que o relacionamento de vocês é um beco sem saída;

– evitar que você saia com pessoas de que gosta.

Responder sim a um ou mais dos sinais relacionados acima é suficiente para você saber que está em um relacionamento abusivo.

Agressão física não é único sinal

Isso mostra que um relacionamento abusivo não é descrito apenas como agressão física. Mesmo que o cara não te espanque, qualquer sinal de manipulação pode ser descrito como abuso.

É importante entender que quando o cara não te dá liberdade pra fazer o que você quer, ele está te deixando em um relacionamento abusivo. Entenda que você não é criança, já bastava ser mandada pelos pais, então agora é hora de cuidar de sua vida e mandar esse parceiro manipulador à merda.

É fácil sair de um relacionamento abusivo?

Claro que não é fácil sair de um relacionamento abusivo, até porque o filho da puta faz com que a parceira se sinta culpada e num beco sem saída. A manipulação é tão grande que ela sempre acha que é a única culpada por estarem nesse ponto do relacionamento. Que, se não fosse por suas atitudes, o relacionamento iria bem e seria saudável.

Vou te dar dicas e você pode (e deve) segui-las para sair da situação numa boa, ou da melhor forma possível. Você está em um relacionamento abusivo, mas precisa tomar atitudes para mudar sua vida e ser a dona de suas decisões.

Como sair de um relacionamento abusivo?

Procure ajuda. Você precisa contar com o auxílio de familiares, parentes e amigos próximos, pessoas de confiança que te ajudarão a sair dessa enrascada em que você, sem querer, se meteu.

Não há motivo algum pra você ter vergonha, muito pelo contrário. Quanto antes você se livrar do cafajeste, melhor será pra ti.

Você sabia que existe uma linha chamada Central de Atendimento à Mulher e o setor funciona 24 horas? Basta ligar 180 e você conseguirá orientações de como proceder, inclusive como fazer denúncias. É um órgão para apoiar e abrigar vítimas de abuso doméstico em território nacional.

Também recomendo que você vá a uma delegacia e solicite um boletim de ocorrência contra o parceiro. Se for o caso, pode até pedir que ele mantenha distância de você, já que há amparo pela Lei Maria da Penha.

Ao denunciar o parceiro, diga que você está em um relacionamento abusivo, mesmo que não necessariamente haja agressão física. Há diversas outras formas de abuso, como sexual, financeiro e emocional.

Agora, arrume suas coisas e mande o parceiro pras cucuias. Cuide de sua vida e seja feliz.

Posso continuar convivendo com o abusador?

Existem vários casos onde as pessoas perceberam que estavam em relacionamentos abusivos e o abusador pediu perdão, prometendo mudar e parar com os abusos.

Mesmo que não haja agressão física, é preciso colocar na cabeça que o cara é um manipulador de carteirinha e que ele não te faz mais bem, se é que um dia fez. Ele pode prometer mundos e fundos pra ti, mas, com o passar do tempo, é quase certo que vai agir assim novamente.

Há vários motivos que levam uma mulher que está em um relacionamento abusivo a perdoar o parceiro, sendo que nenhum deles é bom: ela pode estar com carência afetiva, medo da solidão, incapacidade de cuidar da própria vida, dificuldade financeira para seguir com a rotina, especialmente se o casal têm filhos ou se o parceiro é responsável por grande parte do orçamento doméstico, etc.

É essencial que a mulher que está em um relacionamento abusivo saiba que ela é capaz do que desejar e que esse merdinha não é responsável por sua felicidade. Ela pode até passar por algumas dificuldades para lidar com a nova situação (contas a pagar, casa pra alugar/comprar e administrar, documentos novos, solidão, etc.), mas precisa entender que mesmo assim sua vida será melhor do que ao lado de alguém que manipula sua mente a ponto de ela achar que errou em algo que claramente não errou.

Lembre-se: relacionamento é troca, deve fazer bem para os dois membros da relação. Se somente uma parte está aproveitando os benefícios, enquanto a outra engole humilhação, ela está em um relacionamento abusivo. É hora de mudar.

Não aceite migalhas, viva a sua vida por inteiro e seja a protagonista de sua história. Diga não a relacionamentos abusivos. Seja feliz e vá com medo mesmo, tenha coragem, pois você é capaz de tomar decisões que vão mudar a sua vida pra melhor.

O que achou do artigo?

comentários

Cérebro Masculino

O Cérebro Masculino é um blog feito para ajudar as mulheres a entenderem como funciona a cabeça dos homens.

Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Deixe seu comentário

Este artigo não possui comentários

PEGUE-O NA MENTIRA

Descubra quando um homem está mentindo pra você! Digite seu e-mail abaixo e receba um VÍDEO GRÁTIS te contando todos os segredos.