Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

proteses

Essa história simplesmente se repete…

Para sanar a dúvida de muitas!

Leitora: Tati, sou casada há 8 anos, porém não me sinto satisfeita sexualmente com meu esposo… isso é normal?

Tati: Sim, principalmente quando não se há diálogo e sinceridade na relação.

Leitora: É, bem,  mas não me sinto a vontade em falar do assunto, em dizer que ele não capricha nas preliminares após dez anos de relacionamento. Aconteceu algo parecido com um casal de amigos nosso que recém separaram, e meu marido achou uma trairagem a mulher reclamar do ex na cama, dizendo que ela deveria ter sido mais sincera.

Tati: E ele está certo. Atitudes assim provam a infantilidade da sua amiga: primeiro por não ser madura o bastante para falar do assunto enquanto casal, e em segundo, por falar do assunto, ridicularizando o ex, após se divorciarem.

Leitora: Você tem razão, mas não sei como usar tamanha sinceridade, ele é meio machista. Fico a imaginar, se um dia ele me flagrar usando os pepinos, as cenouras da fruteira, ele pode pirar!

Tati: Você pode começar comendo as beiradas: por que então você não sugere conhecerem uma sex shop? Se ele lhe questionar, diga que algumas amigas comentaram de brinquedinhos que podem ser incrementados, que elas gostaram, e que você está com vontade de experimentar!

Leitora: Mas é normal, me sinto meio diferente por usar os legumes…

Tati: Super normal! Você não é a primeira nem a última, e se lhe consola, há muitos anos, quando nem era moda ou normal esses acessórios, eu cheguei a experimentar uma calabresa!kkkkk

Leitora: Jura???? Hahahaha  Jamais imaginei usar uma linguiça!

Tati: Momentos de desespero!rs

Leitora: Mas hoje você usa os produtos que vende?

Tati: Sim, satisfazer-se é uma necessidade fisiológica, e quando não se tem homem, a gente se vira com o que tem. Mas em relação a sua queixa, eu percebo que muitos homens, por serem ainda machistas, não aceitam uma reclamação do tipo, mexe com a masculinidade deles. Então seja uma mulher inteligente: não reclame, percorra outros caminhos. Faça o que sugeri: durante o momento pós-intimidade, faça o convite, pergunte se ele quer ir junto, ou se não se importa de você ir sozinha com as amigas! Não tem como recusar um pedido, afinal, depois de tanto tempo junto, qual o problema em inovar?

Pode ser que ele resista, que ele questione sobre uma suposta insatisfação, mas tenho certeza que você terá lábia para convencê-lo.

Leitora: Nunca tocamos no assunto, não sei dizer como ele reagirá. Mas se eu for sozinha, o que comprar? Ele não vai estranhar se eu chegar com um pênis de brinquedo?

Tati: Pelo amor de Deus, não comece por ela! Se não quer que ele saiba sobre sua insatisfação, comprando um brinquedo desses, vai estar assinando sua sentença de morte,  a menos que ele concorde, mas isso tem que ser combinado antes. Eu já vi e ouvi muitos casos de parceiros ignorantes, que jogaram as próteses no lixo!

Leitora: Mas eu tenho vontade de ter uma para usar quando ele não estiver por perto.

Tati: Essa é uma decisão sua. Tenho amigas que tem escondido do esposo por conta do tal machismo. Agora, em relação aos produtinhos, comece pelas bolinhas explosivas, géis comestíveis que esquentam ou resfriam, que são produtos mais lights, e romperá esse preconceito. Daí depois de um tempo, e aos poucos, você vai inserindo outros produtos. Inclusive, esses géis comestíveis também tem em formato caneta, onde você poderá percorrer todo o corpo, sugerindo que ele percorra você toda com a língua. Faça o mesmo nele, para também despertar nele a vontade de ser explorado. Resolveria seu problema com as preliminares..hehe

Leitora: Mas e minha prótese?

Tati: O problema está com o marido ou na aquisição do pinto de borracha? Tem uma pontinha de neura ou de culpa em masturbar-se? Penso que você pode estar matando dois coelhos com uma cajadada só. Masturbar-se é bom, você se conhece, sabe o que gosta, e pode sugerir ao parceiro como quer ser tocada. Para adquiri-la sem ser às escondidas, como eu disse, vai depender do perfil do seu parceiro; você saberá se poderá contar ou não. Não vá com sede ao pote, não estrague e coloque tudo a perder! Vá devagar, comece com esses cosméticos básicos, já será uma grande vitória para a relação sexual de vocês. Agora, se não pode esperar para comprar seu brinquedo particular, o faça e seja feliz!!!

Você tem dúvidas? Me escreva: [email protected]

Até mais meninas!!!

O que achou do artigo?

comentários

Tati Daniel

Mulher bombril, mãetorista, consultora sensual e graduanda em psicologia

Receba DICAS EXCLUSIVAS por e-mail

Digite seu e-mail acima e receba na hora dicas para entender mais sobre os homens

Deixe seu comentário

Este artigo não possui comentários

PEGUE-O NA MENTIRA

Descubra quando um homem está mentindo pra você! Digite seu e-mail abaixo e receba um VÍDEO GRÁTIS te contando todos os segredos.