Ele é meu Pinto Amigo. (é o que parece)

Esse é meu nome mesmo, N.. Tenho quase 27 anos. Moro sozinha (MAS AINDA NAO SOU INDEPENDENTE) ha 9 anos. Ha uns 5 anos atrás conheci um rapaz, cuja mãe dele morava também em meu condomínio. Eu andava meio carente na época e quando me dei conta já estávamos morando juntos. Nunca assumimos nada sério.

Não que eu não quisesse na época, mas também não arrisquei uma sugestão pra ele. Nesse período que ele morou em minha casa, ele não me apresentou à mãe e irmãs que moravam aqui. Elas sabiam de mim e tudo mais, mas só fomos nos aproximar quando eu e ele já não tínhamos mais nada. Nos relacionamos morando junto por quase um ano. Rompemos a “ficancia” pelo fato de que ele não me saciava na cama. Mas mesmo assim ele continuou a morar aqui em minha casa e dormíamos juntos, mas nada acontecia, lembro-me que eu sofria demais, sentia um carinho enorme por ele sem motivo algum. Eu tinha meus casos e ele os dele.

Só que ele nunca ficava, nem comentava nada de ficante nenhuma dele para mim ou perto de mim.Passou um tempo ele mudou de minha casa, me senti malzona porque não sei o que contece, mas quando esse menino fica perto eu fico bobada, faço comidinha pra ele, lavo roupas dele que ficam na minha casa, passo, etc.. faço tudo que uma esposa faz! (meeeerda!). E quando ele se mudou logo ele namorou uma menina que não é o tipo que ele preserva, porem ela engravidou de propósito e tiveram o filhinho, moraram juntos, tentaram, mas nao deu certo!

Então, da ultima vez que ele saiu da minha casa, passaram-se uns quase 4 anos, nesse período também namorei e não tínhamos contato algum, apenas a mãe e irmãs dele mantinham contato comigo, pois logo que nos conhecemos posso dizer que ganhei uma mãe e duas irmãs. E agora, passado esse tempo, eis que ele ressurge das cinzas e veio chegando a minha casa como quem não quer nada, e agora continua morando comigo.

Acontece que teve um dia que ele me procurou na cama e não resistii.. e olha que ele melhorou demais com relação ao sexo, que foi o que fez com que parássemos da ultima vez.

No recomeço da nossa intimidade na cama estava sendo otimoooooooo… só que agora tenho percebido que ele evita me beijar, e eu pra não ficar como a carente de beijos, também viro a face, já que não parte dele o beijo, tenho medo de tentar beijá-lo e ele se virar. Fora da cama somos como 2 irmãos, com brincadeiras e etc, mas nada nem ninguém que não saiba por um de nós dois perceberia que temos um caso na cama. Digo a ele que ele é o meu PA= PINTO AMIGO. E realmente gostaria que ele continuasse a ser meu PA.

Queria uma opinião sincera de vocês com relação a isso tudo e também queria uma forma de que o sexo fosse completo, com beijos e tudo mais, não sei o que sinto por ele ainda. Ele costuma dizer que sou tarada, pois amooooo um bom sexo e tenho pilha pro dia inteirinho, acordo recarregada e adoro tudo que possa me dar prazer e ao meu parceiro.

Eu nunca o procuro na cama. Deixo sempre nas mãos dele. Posso ta mortinha de vontade, que dou um jeito de me satisfazer sozinha a ter que tomar a iniciativa. Às vezes acho que ele tem medo de se envolver. Mas então, o que eu faço pra ele me beijar… o que devo fazer pra ele querer todo diaa e pensar em chegar logo em casa pra iniciarmos mais um round.

Me respondaaaaaaaam pleaseeee.. se precisarem que eu fale mais alguma coisa me perguntem, quero saber a opiniao masculina. Obrigada rapazes!

N.

Olá N.,

Primeiramente muito obrigado pela sua história, com certeza ela vem enriquecer bem o nosso site uma vez que se trata de uma situação interessante e atípica para ser pensada.

Tem um ponto que você aborda e afirma que “realmente gostaria que ele continuasse a ser o seu PA”. Então OK, ótimo, poderia parar o POST aqui mesmo porque ele já é o seu PA e bastaria manter as coisas do jeito que estão. Acontece que algo lhe inquieta, algo além do corpo, algo que você sente ai e não sabe bem a definição e que lhe deixa toda boba, ou pelo menos não consegue colocar um nome pra isso. Senão, qual seria o motivo pelo qual você o aceitaria de volta, já que ele não a satisfazia na cama e para você isso parecia ser muito importante? Parece que tem mais coisas envolvidas ai.

Pelo que você comenta, vocês se dão super bem. De verdade! Conversam, se divertem, rola uma boa parceria ai e olha que tem muito relacionamento pelo mundo que não dá certo porque justamente não tem isso entre as duas pessoas, uma parceria. Um bom sexo é conseqüência de várias coisas e dentre elas o estabelecimento de uma boa parceria entre as pessoas. (eu ia dizer entre duas pessoas, mas podem ser três, quatro, cinco, vai saber, rs). Por isso que transar no primeiro encontro é realmente tiro no escuro.

mda banner 2

Uma pessoa não é ruim de cama, ela pode ESTAR ruim de cama, nada impede  que ela amadureça, explore, busque, prove e experimente, deguste, se lambuze, se afunde em cultura e novas experiências para enriquecer-se e deixar o sexo mais gostoso.

O próprio preconceito, a idéia limitada de que sexo tem apenas uma definição e ponto e aquelas pessoas que se “acham” boas demais podem prejudicar o desempenho na hora da “pegação”. Se depois de tudo isso ainda não rolar de maneira legal, aí é questão do jeitão de cada um mesmo. Talvez tenha faltado um pouco de jogo de cintura entre vocês dois para administrar esse déficit sexual quando romperam, afinal de contas vocês também se davam bem naquela época.

Também não vou descartar a hipótese de existir pessoas que não gostam de sexo, ai é claro e mais que óbvio que elas estarão ruins de cama de modo “permanente” digamos assim, enfim, serão ruins de cama mesmo, rs.

Mas tudo bem, vocês dois seguiram a vida, sem ressentimentos, o mundo deu voltas e cá estão ai novamente para um nova história. Vocês nunca falaram em namoro, mas e ai? Que tal uma conversa sobre isso? Assim, como quem não quer nada, como uma sugestão, quem sabe? Ou não precisa ser sobre namoro, mas sobre envolvimento, que envolve o questionamento que você traz. Chega pra ele, pergunte a sua maneira: “E aí, o que você ta afim?”, digo isso em termos de relacionamento.

Quanto à questão sexual, parece que você tem mais apetite que o meninão ai, ou então ainda não descobriram que esse fogo todo existe de ambas as partes, ou então são em doses diferentes mesmo.

As pessoas transam, fazem “n” coisas, e não conversam sobre sexo. No mínimo estranho isso não é? Bota pra fora suas vontades, vai ficar fazendo charminho no canto da cama pra que? Se ele estiver afim, ai cabe você investigar mesmo e conversar, por que não fazer? Ainda mais pelo fato dele ter melhorado como você mencionou. Além do mais, um dos fatores que auxiliam o homem a ser bom de cama é saber o que a mulher gosta e como gosta. Você mencionou que adora tudo que te dê prazer e ao seu parceiro e fica ai com vontade preferindo a solidão de “bater uma” (não que seja ruim), sendo que o cara está ai ao lado? Ahhh mulher!!! Rs.

É questão de vocês dois acharem a sintonia do ritmo apenas. Nada de estranho ou incomum, é bom que existam diferenças e isso não significa que um seja pior ou melhor que outro. Por que obrigatoriamente o homem tem que satisfazer uma mulher na cama ou vice-versa, quando pensamos em obrigação criamos regras, parâmetros e ao invés de proporcionarmos bons encontros, criam-se mal estares porque não há obrigação nenhuma. Tem mulher que não satisfaz o homem na cama e aí? Como fica?

sexy

Temos que pensar na definição de satisfação, seria esgotar o prazer ao máximo ao ponto da parceira(o) não querer mais nada ou a satisfação se alcança quando o prazer é proporcionado em uma certa medida que a pessoa se sente bem de estar ali, junta com outra? Isso depende também do grau de importância que o sexo tem na vida das pessoas.

É claro que um pouco de sensibilidade masculina e vontade de explorar o corpo alheio ajudam a melhorar o desempenho, mas entendam que nós homens não somos “bidus”, adivinhadores, ou qualquer outra coisa que leia o pensamento da mulher. Estou dizendo isso porque a questão é mútua. No relacionamento e no sexo há responsabilidade de ambas as partes porque, mesmo que seja casual, a idéia é que a diversão exista dos dois lados. Narcísicos a parte, pelo menos ela se torna mais interessante assim.

Percebo que você gosta dele e esse “algo a mais” faz diferença e até torne esse relacionamento melhor por causa disso. Então aproveite, mas procure saber mesmo o que ele quer, se é relacionamento a dois mesmo, ou se vocês se “pegam” de vez em quando e só, para que você não se sinta na expectativa ou esperança de um algo a mais. E nem fique se mordendo ai no canto da cama. Definir isso pode ajudar, inclusive a rolar o tal beijo na boca.

Uhh papo bom esse hein….

Até mais!!

Márcio Oliveira
psicólogo e consultor de relacionamentos
[email protected]
Meu Blog: As Palavras

Tem pressa para receber sua resposta? Deseja atendimento personalizado e ao vivo? Assine um Plano VIP.

Siga o Cérebro Masculino nas redes sociais clicando AQUI e saiba instantaneamente quando o blog é atualizado.

Psicólogo, consultor de relacionamentos e quase Mestre pela USP-SP. Meio NERD, completo romântico, mas não abre mão de um intenso beijo na boca e um alinhamento entre coração, corpo e mente.

3 comentários No Ele é meu Pinto Amigo. (é o que parece)

  • Menina que história mais esquisita…

    Pelo que percebo vc gosta muito dele.. ou não se submeteria a esta situação…
    quanto à ele..gosta mesmo de um ”conforto” vamos combinar..
    Olha só…
    ele nao se preocupa com nada…
    – mora contigo..
    – tem roupa limpa.
    – tem comida feita..
    – tem roupa passada..
    – certeza não te ajuda na arrumação da casa..
    – tem vc na cama pra horaaaaaa que eleeeee quiser…( pois vc mesma disse que nao vai atras dele )
    -nem bom na cama ele eh,.. vc disse que ele deixa à desejar..
    melhorou.. mas pelo jeito nao esta tudo isso não..
    – certeza que têm alguma ou algumas por aí…
    -pega todas e vc nem ao menos pode cobrar..
    – ele nao te bja na boca?! Como assim… ele nao te bja porque?

    Veja bem…
    Ele usa tua casa e tuas coisas..
    come da tua comida..
    ”te come”..e
    vc ainda assim não eh o bastante pra beijar-lo?
    Ahh PQP…v gosta dele eu percebi.. mas e de vc ??? vc nao gosta??
    que vantagem ”Maria” leva nessa?? um PA meia boca..só pra isso vc consegue por aí…
    Ahh da as contas pra esse mala vai..
    Tenha mais brio… mais orgulho.. será mais feliz..
    seja mais MULHER!
    bju
    Concordo com vc Marcio tmb….:P..tudo muito bem explicado…

  • Pode se tornar uma história lindinha!!! Boa Sorte N…!!!

  • N… o que vc sente por esse cara é mto mais do que desejo… é paixão, é amor… mas o que vcs precisam mesmo, é conversar… ‘colocar os pontos nos is’… pq se ele não estiver na mesma sintonia que vc minha cara, tb não vale vc ficar presa a uma relação sem futuro…

    E só pra variar, mais uma vez vc foi perfeito em sua resposta Márcio!!!

    “…entendam que nós homens não somos “bidus”, adivinhadores, ou qualquer outra coisa que leia o pensamento da mulher…” Destaco essa parte, pois nós mulheres sempre queremos que vocês advinhem o que queremos e nos ferramos… pq se não falamos, não demonstramos… como vcs vão saber neh?!

    bjinhos… 😉

Deixe uma resposta:

Your email address will not be published.