Espaço da Leitora – Pai

Olá,

O espaço da leitora de hoje é oferecimento da Reysi, que enviou um texto de sua autoria.

Na minha cidade lá no Mato Grosso, durante minha infância, tinha racionamento de energia durante a noite, à luz de um lampião eu e meu irmão mais novo, ficávamos enchendo o saco do papai, pra ele cantar franguinho na panela (Craveiro e Cravinho) pra gente, e toda noite ele cantava essa musiquinha.

Depois dessas noites, quem levantava cedo e fazia nosso delicioso “mama” um leite quente com aquele Quick de morango, que hoje não posso ver na minha frente era sempre ele, ai da mamãe se fosse fazer nosso “mama”, era birra na certa. Logo depois nos mudamos pro Paraná, pra uma cidade relativamente “grande” se comparada a minha cidade natal, e eu me lembro como se fosse hoje, no meu primeiro dia de aula,meu pai me levando pra escola e me ensinando a atravessar uma avenida dupla, dividida por um canteiro central: Filha,nessa rua os carros descem, mas você sempre olha para os dois lados pra atravessar.

Agora adulta, sinto que depois disso, deixei de aproveitar esses momentos, e mesmo distante, meu pai com todos os seus afazeres e preocupações não deixa de me surpreender, no mês passado, durante um dia de semana ele me liga ao meio dia (não é costume), eu fazendo minhas atividades na universidade não consigo atende-lo, depois retorno a ligação toda preocupada, já perguntando se estava tudo bem com ele ou com a mamãe, ele diz a seguinte frase: Tá tudo bem filha, só liguei por que deu uma saudade de você!, e esse foi o dia que eu chorei, chorei por todo o tempo que enquanto estava próxima a ele, foram poucas as vezes que disse, pai eu te amo e dei um beijo nele, chorei porque foi necessário estar a mais de 2000km de distância pra eu perceber quanta falta meu pai faz, chorei porque realmente quem disse que a gente só dá valor depois que perde (ou está longe) é realmente verdade.
Se fosse pra dar um conselho pra todos os filhos  nesse dia dos pais eu daria esse, aproveite esses momentos, vire pro seu e diga, Pai eu te amo.

Participe também do Espaço da Leitora, enviando uma música, vídeo, frase, texto, ou qualquer coisa que quiser para [email protected] , com o título Espaço da Leitora.

 

Siga o CM nas redes sociais: Clique AQUI!

mda banner 2


Um amigo que fala a realidade na cara, sem mimimi ou enrolação. Conta a mais pura e simples verdade, doa a quem doer.

11 comentários No Espaço da Leitora – Pai

  • como faço pra mandar minha historia aqui?

  • como faço pra mandar minha historia aqui?

  • Aiaiaiaiaiaiai que Saudade do Paizinho..
    O meu tmb esta longe de mim…mora em outra cidade..no interior (Máringa-
    Pr), toda vez que viajo pra lá ou falo com ele eu choro de saudade… tenho uma ligação muito forte com ele..
    nunca nunca me canso de olhar pra ele… pedir a bença..e dizer que Te Amo…
    sempre…Uns 7 anos atras nos deu um susto.. fez operação de safena e mamaria.. de repente …quase pirei ..fui pra la..pra tentar ficar mais prox.. nesse dia me dei conta o quanto ele estava longe… e o quanto eu queria ele aqui.. pra me chamar de ””teimosinha do paizinho”’ e me chamava de princesa tmb..( só ele neh…tadinho.. ele usa óculos forte mesmo..hauhauhauahaha)..Tenho saudades do tempo que todos nós moravámos juntos..era uma Zona.. todos os irmãos juntos….mas muito bom…
    O nosso leite de pequenos Reysi.. o nosso ”mama” era o toddy..até hj quando eu compro ..ou sinto o cheiro..digo que ””’tem cheiro de Infância”””…
    cheiro de infância. meu pai nunca bateu.. nunca precisou… ele ”dominava” a situação..hehe..bastava nos olhar.. chamava perto e passava um belo sabão na gente…era muito mais eficiênte que minha mãe aos berros…hehehe..( muher italiana.. ja viu neh)…Ele falava duro e com ternura sempre!!!
    Bastava isso.. carinho..
    Paizinho amo vc!!!

  • Ei meninas obrigada, realmente meu pai me faz muita falta, aliás toda minha familia!
    Quick de morango era o top, mas hoje em dia nem sorvete de morango eu curto, de tanto que eu tomei esse treco,hahaha.

  • ahah adoro Quick de morango até hj 😀

  • Lindo. Pena que minha relação com meu pai é díficil. Mesmo assim tenho algumas poucas lembranças boas junto com ele. Hj moro longe mas apesar de todos os problemas sinto falta do meu pai, talvez com um sonho eterno de ter tipo um pai melhor.

  • Que lindo texto Reysi!!! 😉

  • Então Reysi…esse mês é muito dificil pra mim, e escutar essa música me fez lembrar meu pai quando eu era bem menina e ele nos acordava com aquele locutor de rádio que gritava “acordaaaaaaaaaaaaaa”. Bem, meu pai já não está mais comigo, ficamos nessa vida pouco tempo juntos apenas 14 anos, mas ainda guardo na memória todas as delicias que ele fazia com milho que ele mesmo colhia e eu ajudava no sitio dos meus avós. Você fez um lindo texto amiga, me emocionei muito.
    Lagriminhas nos olhos, desejando que Deus esteja cuidando de meu pai.
    beijuss

  • Também adorava quick de morang ahhae

  • Quick de Morango rsrsrsrs isso tbm lembra meu pai!!! Adorei!

  • Ebaaa, obrigada Doc. ^^

    Para todos os pais e filhos do CM.

    😀

Deixe uma resposta:

Your email address will not be published.