LEITORA DO MÊS DE MAIO

arquivo pessoal da leitora

Todo mês, a leitora que mais participa do blog é escolhida como a Leitora do Mês.

A vencedora recebe os prêmios:
-Uma entrevista básica por e-mail;
-Uma pergunta da leitora endereçada a um dos membros do CM;
-Poderá escolher entre alguns temas para a próxima matéria feita por algum dos colunistas do CM.
-Conversa com um dos autores do blog (o CM escolherá o autor).
-Um livro no estilo de sua preferência.
Sempre estamos incluindo mais prêmios. A Leitora do Mês de Maio de 2011 foi a: Bruna

Segue a entrevista:
Nome: Bruna Farias

Idade: 33

Onde mora: CURITIBA

Profissão: Analista de Licitação

Como Conheceu o CM: Através do Google, pesquisava diferenças entre homens x mulheres

O que acha do blog: Eu adoro. Leio diariamente. É bom ‘’tentar’’ entender a cabeça dos homens e até já me coloquei no lugar deles. Pensar como homem? Não apenas entendo melhor algumas situações, porque aqui como as respostas dos autores não são pra nos agradar e sim responder na verdade o que se passa na cabeça masculina, tem que levar em conta o que dizem…

Qual categoria te faz voltar sempre ao Cérebro Masculino: Leio todas independentes de qual seja. Vou lendo. Normalmente os textos abaixo do publicado do dia… E volto nos comentários. É bacana ler as discussões e diferentes opiniões, ter um cantinho pra nos expressar, ajuda a todos nós, homens e mulheres a nos relacionar melhor sem tantos fantasmas e neuras.

Deixe um recado para as leitoras: Meninas vamos tentar entender o mundo masculino.. Deixar de ‘’achar’’ que algumas situações acontecem por nossa culpa apenas… Prestar mais atenção aos sinais deles… E Levar a vida mais leve… Já é um começo!

Minha pergunta para o autor Márcio é: (PS: não. não será sobre Sexo. Drogas e Rock’in Roll. hehe) Por que está tão complicado ver verdade nos olhos hoje, quando um homem diz ‘’eu te amo’’ é o que ele realmente está sentindo ou apenas faz parte da conquista e como vocês “mais” demonstram isso quando estão interessados em uma mulher?

Olá Bruna,

A sua pergunta me fez refletir sobre várias coisas e bem sabemos que ela não necessariamente se aplica aos homens. Quantas mulheres e por que não homens, por insegurança, carência, ansiedade, solidão, problemas em se expressar, dificuldades em relacionar-se e permitir que as coisas tenham seu fluxo e tempo, acabam antecipando na fala muitas coisas que sentem ou acham que sentem, se entregam não ao relacionamento, mas a todos esses sentimentos que, em alguns casos, encontram-se tão confusos dentro da cabeça e coração que acabam por prejudicar até mesmo a convivência e as escolhas.

Não vou lhe dizer também que existe um momento certo, que é importante esperar sei lá quanto tempo, apenas digo isso para olharmos para dentro, prestarmos atenção em como nossas emoções caminham ao conhecermos e encontrarmos alguém que passa a ter importância em nossas vidas.

Aos meus olhos dizer que ama é algo tão importante que deve sim ser dito, desde que seja verdadeiro. Podemos amar várias pessoas em nossas vidas? Creio que sim, pessoas são diferentes, e os amores podem se manifestar de formas diferentes dependendo de como a pessoa nos toca, de como determinada história foi construída. Infelizmente a frase “eu te amo” é muito banalizada, é utilizada sem qualquer critério, de maneira arbitrária que perde o sentido. Assim como o sexo. Sexo é bom? Claro, definitivamente, mas tê-lo como apenas um aspecto relevante ao estar com alguém é determinar ao corpo a responsabilidade total pelo bem estar, mas o corpo padece e o gozo dura muito pouco perto da dimensão da vida, tanto que muitas pessoas buscam isso com várias outras pessoas, e transam e transam e gozam, mas e depois? Agora se o sexo é agregado a outras coisas, há todo um algo “a mais” vivenciado talvez a experiência seja outra e o significado disso tudo não fique restringido aos limites da pele.

Quando as pessoas dizem que amam, amam a quem? Amam o que? Há muita coisa desencontrada e por isso se faz importante nos cuidar. Sim, essa frase realmente é utilizada por muitas pessoas como parte da conquista, creio que mais por mulheres que por homens, mas palavras não “prendem” ninguém tanto que entendo bem a sua pergunta. Não há palavra com real importância se não há verdade nos olhos. Porque só a verdade nos olhos pode nos trazer o que realmente está no coração.

Falar com o olhar pode ser feito em silêncio, naquele momento em que de repente tudo parece silenciar ao seu redor e fica somente a vida “congelada” naquele instante e ai alguém até pergunta: “Por que você está me olhando desse jeito?” Mas nem precisa responder. Por isso, ao ouvir “Eu te amo” atente-se para o olhar, o momento, ao outro, e não somente à maneira que você ouve e o que isso provoca em você, permita-se sentir-se isso em você claro, se entregue, viva, mas sem deixar de perceber quem está ao seu lado até mesmo para que, se você sentir vontade de dizer que ama que seja amor pela maneira como a pessoa é e não pelo que ela representa, porque representações um dia podem mudar, idealizações podem não fazer mais sentido, é como se uma cortina caísse e ficasse apenas o palco vazio atrás dela ou algo que nunca havíamos visto antes. Bom, acho que é isso. Até mais!

 

Minha sugestão de tema: Por que têm homens que ficam cegos de ciúmes isso é amor ou posse apenas?

Qual estilo de livro prefere?
Adoro principalmente livros com acontecimentos verídicos… Biografias, também um bom romance ou suspense.

Sara Mel escolherá e enviará um livro para a sua casa no estilo preferido.

Minha sugestão de tema:

Em breve estaremos publicando o seu artigo.

Conversa com um dos autores: Envie e-mail para [email protected] para agendá-la.

Parabéns e continue participando. Lembrando que a leitora do mês é sempre quem comenta mais durante o mês anterior.

Sara Mel

18/06/2011

[email protected]

http://twitter.com/Sarammel

http://www.facebook.com/profile.php?id=100001624131488

http://textosdasara.blogspot.com/

 

Os comentários podem ser feitos no final do post. Beijuss

 


Jussara de Melo, escrevo nas categorias crônicas e poesia e espero utilizar esse espaço como forma de recuperar o romantismo, a sensibilidade e a formosura feminina que nós mulheres todas temos dentro de nós. Nos meus textos você encontrará: amor, desejo, emoção, fantasia, esperança e muita paixão. Frase preferida: Antes de falar, escute. Antes de ler, pense. Antes de criticar, espere. Antes de orar, perdoe. Antes de desistir, tente. E-mail: [email protected]

8 comentários No LEITORA DO MÊS DE MAIO

  • Obrigado a todos pelos elogios! Confesso que mais do que escrever para o Cm, tenho aprendido muito com todas as histórias.

  • Excelente resposta, Márcio!!

    E parabéns pra Bruna

  • Troféu joinha pra essa resposta. Eu queria um amor assim, de um simples olhar.

  • Gostei muito da resposta do Márcio!

  • Obrigada …
    Fiquei bem Feliz mesmo…Surpresa tmb…
    Adorei…Vcs são demais mesmo!!!!…
    Sara…Espero anciosa pelo livro ..Obrigada;) Oba!!
    Quanto ao Marcio.. Respirei fundo e Li atentamente à tudo…;),prestando atenção aos detalhes..amamos mesmo várias pessoas… com amores diferentes..homem..pai/mãe..filhos..etc… cada um na sua intensidade e na sua verdade… amor eterno ou passageiro..
    Mas..temos que olhar sempre no olho mesmo.. pra sentir se este amor esta ali ”’Dentro”’ ou se sai juntos com as palavras e vai embora…
    obrigada
    bjus

  • Parabéns Bruna…Ainda essa semana vou escolher o seu livro e aviso quando enviar pelo correio.
    beijuss da sara 🙂

  • Márcio sempre muito intenso em suas respostas!

  • Eu nunca vivi essa experiência de alguém dizer que me ama. É, faço parte do clube das mal amadas! Kkkkkkkkk! Aliás, pensando bem, até que já. Uma única vez, mas foi porque eu perguntei. Foi algo assim:
    Eu: Você me ama?
    Ele: silêncio…
    Eu: Ama?
    Ele: tá, amo.
    Eu: kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk! Você é muito engraçado!
    Ah… mas essa não valeu, né?
    Obs: a gente namorava há mais de 2 anos!

Deixe uma resposta:

Your email address will not be published.