MARJORIE EM FURACÃO

Marjorie estava deitada em seu sofá, via pela televisão o noticiário de um fortíssimo furacão que destruía uma pequena cidade, tão longe do seu país, mas Marjorie pensava no furacão que estava tão perto de assolar o seu coração.

Ela sabia o que um furacão causa na vida das pessoas, passa sem modéstia nenhuma, vem arrancando tudo do lugar, levantando poeira, destruindo casas e emoções, arrancando do solo e do coração o que estava enraizado e seguro, esse era seu medo, tornar-se mais uma vítima desse furacão que se chama paixão.

O furacão tem um som que conseguimos ouvir mesmo depois de ter passado por nossas vidas e que nos paralisa e quando mais perto está mais forte e necessário se faz para que você consiga senti-lo, Marjorie sabia que aquele velho furacão havia voltado para cobrar o estrago que fez e que ainda poderia fazer se ela o permitisse.

Na verdade ela reconhecia seu poder, a catástrofe que ele representava, mas sentia por ele um sentimento ambíguo de medo e atração que a consumia todos os dias. Ventos fortes balançavam suas idéias de que ao deixar esse furacão passar logo uma calmaria poderia sentir. Mas, e a destruição?

mda banner 2

Quando algo assim passa por nossas vidas, deixa marcas em alguém, modifica o cenário, coloca tudo fora do lugar. Marjorie sabia que depois teria muito trabalho para salvar o que dela restasse.

 

Sara Mel

03/09/2011

[email protected]

http://twitter.com/Sarammel

http://www.facebook.com/profile.php?id=100001624131488

Os comentários podem ser feitos no final do post. Beijuss

DESCRIÇÃO DO VÍDEO: Catedral – O que não se pode explicar aos normais


Jussara de Melo, escrevo nas categorias crônicas e poesia e espero utilizar esse espaço como forma de recuperar o romantismo, a sensibilidade e a formosura feminina que nós mulheres todas temos dentro de nós. Nos meus textos você encontrará: amor, desejo, emoção, fantasia, esperança e muita paixão. Frase preferida: Antes de falar, escute. Antes de ler, pense. Antes de criticar, espere. Antes de orar, perdoe. Antes de desistir, tente. E-mail: [email protected]

8 comentários No MARJORIE EM FURACÃO

  • Nooossssssssssa Su viajei agora nesse poema…..que lindo!!!!! Queria eu ter escrito isso 😉
    Su…eu amo ficar nesse você comenta e eu respondo, faço sempre com o maior prazer…curto de montão!
    Então migaaaaaaaaaa pode comentar que eu vou respondendo, respondendo, respondendo hehehehe
    Ah…e falando da paixão furacão, vou dizer uma coisa quem nunca viveu uma assim nem sabe o que está perdendo….kkkk perdemos, mas ganhamos no tempo que ela dura sensações e emoções que jamais esqueceremos e que servirão para futuras paixões e um quem sabe futuro amor de verdade que possa te arrebatar
    beijuss da sara 🙂

  • Como sempre Sara atenciosa e esclarecedora nas suas opiniões…Gosto dessa sensação de paixão…claro que amar é bem melhor..mas quando junta os dois acabousse rsrsrsrs…

    Gostei desse poema:

    Poema Paixão Ardente…

    Esta chama voraz que arde em meu peito
    Me atordoa, me embala, me agita no leito,
    Em pseudos e doces espasmos de dor…
    É dor saborosa, que leva à loucura,
    Que acalma, aquece, entorpece, tortura,
    Insolentes e castos eflúvios de amor…
    Que são estas ondas tão incoerentes,
    De sons e de cores, fortes, envolventes,
    De tantos sabores paradoxais?
    Serão os sentidos que estão me enganando,
    Ou apenas os sonhos que vão me embalando,
    Em meus dias maduros… tristes… outonais?

    Confesso…
    … é o grito, o brado, o clamor, a explosão,
    Louco sentimento mesclado em paixão,
    Que sinto por ti e é tão delirante…
    Que só se acalma quando adormeço
    E do mundo, da vida, das dores esqueço,
    No pouso encantado de teu peito amante…

    Oriza Martins

    Ai ai que romantic rsrsrsrsr

    Gosto demais dos seus textos…

  • Pois é Bruna…o problema da paixão feito furacão é exatamente esse…vem rápido e vai mais rápido ainda…E a destruição, o estrago que faz é incrível…ai né vai ter que buscar ajuda para arrumar tudinhuuuu, colocar de novo as coisas no devido lugar…mas, negar que é bom ninguém pode mesmo né! 😉

  • Thaily…quando uma mulher é capaz de viver esse turbilhão e depois de tudo remendar, costurar, colocar ataduras, curativos acredito que possa ainda dar a volta por cima e recomeçar, mas existe mulheres que simplesmente não conseguem, passam anos sofrendo, chorando, buscando explicações, perdendo tempo numa história que afinal de contas foi linda, emocionante, fez o coração disparar de alegrias, mas que acabou. Ai né miga…o negócio é colocar a coragem que todas temos adiante e continuar.
    Agora que viver um furacão desses é muito bommmmmmmmm isso é verdade heheheheh 🙂

  • Sara..
    Alguns furacões são ”tragédias” anunciadas sabe com ””dia e hora””’ pra chegar…
    talvez vc pare e pense..ahhhh…será um de leve…. talvez nem destruirá tanta coisa assim….
    Mas minha amiga quando o ”furacão” chega.. trás com ele tudo que se pode sentir..uma paixão arrazadora..que te deixa assustada até….
    esses furacões passam e deixam sempre aquelesom o vento e a brisa leve e fresca na pele..no corpo …sabe que eu queria que o furacao ficasse mais sabe…mas como brisa e vento bom… Bons ventos que tragam tempos de felicidade e alegria..
    bjus

  • Como diria um autor que gosto muito, Caio Fernando Abreu, “Somos inocentes em pensar que sentimentos são coisas passíveis de serem controladas… Eles simplesmente vêm e vão… Não batem na porta, não pedem licença, invadem, machucam, alegram… São imprevisíveis e sua única regra é a inconstância total…”

    Mas, assim como a Suzana, também acho que temos que nos permitir… deixar esse furacão invadir e ‘desarrumar a casa’ um pouco… afinal, tem coisa mais gostosa do que uma paixão avassaladora?! Depois colocamos um ‘band-aid’ no coração, um ‘sorriso’ nos lábios e vamos em busca de uma nova paixão………….

  • Su…quando um furacão pega a gente é ventania pra todo lado, tira você da rotina, mexe com seus sentimentos e depois deixa você bem longe de onde costumava estar. Tira você do seu lugar habitual, da sua normalidade, vc está certa quando diz que viver uma paixão nos faz sentir vivas, concordo nisso, mas depois que ele passa, e passa bem rápido larga você num estado de decomposição…e ai amiga…da um trabalho repor tudo no lugar (muitas vezes isso nem é possível). Mas como você disse antes passar por isso tudo e ter sido feliz por alguns momentos do que nunca ter conhecido o prazer de ser feliz na vida.
    beijuss da sara 😉

  • Gostei do texto…na minha opinião mas vale sentir e viver esse furacão da paixão do que não experimentar e ficar na calmaria de um sentimento morno…a paixão nos faz sentir viva…nos leva ao extase do sentimento bom…rsrsrs…imagina não ter o prazer de viver esse instante…

    Sara como sempre sucesso!!

Deixe uma resposta:

Your email address will not be published.