Mau Hábito

Olá, acompanho sempre o site procurando evoluir nesse mundo complicado de relacionamentos. Mas mesmo na teoria procurando se informar, na prática acabamos fazendo coisas imaturas.

O meu caso, depois de oito meses de namoro, fui morar junto com meu namorado e apos 1 mês e meio nos separamos. Esse mês foi difícil, aconteceram mudanças no meu emprego, eu, uma menina (Apesar dos 28 anos na cara…rs) mimada, que sempre esteve com os pais, vivendo uma situação nova, com responsabilidades e tudo mais, admito que fiquei meio perdida, me sentindo carente, não sabendo ao certo como me comportar, querendo total atenção.

Houve desentendimentos, jamais discussões, ele sempre procurava conversar comigo, mas sempre tive a mania de qualquer desentendimento dizer que eu ia embora; no começo ele chorava, vinha atrás, e confesso que tinha esse tipo de atitude pra justamente conseguir isso, chamar a atenção. Até que um mês e meio depois de estarmos morando juntos eu sai de casa… Fui buscar as minhas coisas, e ele deixou. Mas fiz pra chamar atenção, o que queria era que ele me impedisse… Mas meu orgulho falou mais alto. Mas dois dias depois de buscar minhas coisas, liguei pra ele, ele disse que iria embora, que não queria mais, etc… Nós encontramos duas vezes depois, choramos juntos, nos beijamos e tudo mais, mas ele foi embora, pra outro estado, outra região. Largou a casa, seus laços, e tudo mais.

Será que ele está fazendo isso pra fugir de mim? Pra assim não correr o risco de me aceitar de volta? Ele também é orgulhoso, não dá o braço a torcer. O que devo pensar sobre isso, o que devo fazer? Deixar a poeira baixar, ir atrás dele no outro estado, esquecer? Estou sofrendo muito, me sentindo impotente frente à situação. Agradeceria muito se pudesse esclarecer um pouco.


Mimada leitora;

Hábitos nada mais são do que modos constantes de se comportar, de agir.

Dizem que somos o que, constantemente, fazemos. Em outras palavras, representamos o conjunto de nossos hábitos, sejam eles ligados a padrões de pensamentos, modos de comunicação ou de comportamento.

Quanto mais antigo o hábito, mais difícil de modificá-lo. Pois, por pior que eles sejam, te dão uma sensação de conforto. Afinal, quem não se sente confortável fazendo o que sempre fez?

mda banner 2

Da mesma forma que um conjunto de bons hábitos podem te fazer uma mulher admirada, alguns ruins lhe diminuirão o valor.

Você já deu o primeiro passo ao identificá-los. O segundo passo deve vir com sua ação efetiva no sentido de não deixar esses hábitos ruins te dominarem. Quando notar que isso está acontecendo, tente levar para outra direção. Formando, assim, de forma intencional, com o tempo, hábitos positivos.

Esqueça se ele tem intenção de fugir, de não querer te aceitar, de esquecer. Pois, você, se deixar o orgulho de lado e procurá-lo, se for sincera assumindo seus erros, se conseguir demonstrar de forma efetiva o quanto pode melhorar para o bem do relacionamento, terá grande chances de deixar de sofrer e tê-lo ao seu lado.

Bom fim de semana

Mr. P

[email protected]

Tem pressa para receber sua resposta? Deseja atendimento personalizado e ao vivo? Assine um Plano Premium.

Siga o CM nas redes sociais

 

Empresário, administrador, jurista e escritor. Adora filosofia, psicologia, história e musculação. Crê que o "caminho da vida" é a busca da evolução perpétua. Escreve e responde dúvidas sobre os mais variados assuntos.

1 comentários No Mau Hábito

  • Mr.P arrasou na resposta!
    Concordo que o primeiro passo já foi dado… você admitiu pra si mesma todos os seus erros. Agora, vá em busca do seu amado e diga tudo isso que você expôs aqui… vença esse orgulho, pois ele só te afastará das pessoas! 😉

Deixe uma resposta:

Your email address will not be published.