Namoro, amizade, desconfiança e afins

Olá!

 

Bom eu namoro há 10 meses e nós sempre nos demos MUITO bem. Há um tempo, a irmã do meu namorado me contou que ele ficou no telefone ate tarde com uma menina, ela ate penso que era eu na linha, mas ela me ligou e viu que eu atendi!

Falei com ele, e ele me disse que não tinha nada a ver, que era só uma amiga e que ela tinha ficado com o primo dele! Eu não gostei nadinha dessa conversar não acreditei nele e terminei, a gente ficou uns 2 dias separados e eu voltei com ele perdoando tudo e deixando de lado, so que depois de um tempo ele me contou que falou com essa menina de novo no telefone e eu vi algumas mensagens no celular dele… ele fez mil explicações, juro mil coisas, disse que me amava, quase chorou na minha frente…  até voltei com ele, mas não sei se fiz o certo, eu posso ate gostar dele, mas ja sofri em outros relacionamentos e não quero passar por nada disso de novo.

Eu devo acreditar nele?

mda banner 2

 


Olá R.,

Parece que tem homem que não se sente tão bem em um relacionamento ou não se contenta em estar bem em um relacionamento que não agüenta ouvir uma voz feminina ou ver um “rabo de saia” como diria a minha avó. Tudo tão bem, ambos felizes, mas parece que um mero atrativo dispersa a atenção do relacionamento e acaba gerando, às vezes, um sentimento de culpa, tristeza por algo que nem ao menos aconteceu.

Não sei, mas até pode ser o seu caso. Não ta com cara de ter rolado alguma coisa, mas parece que ele se simpatizou pela tal do telefone ai. Bom, até ai simpatizar não diz tanto, mas que pode ser o prelúdio de algo a mais isso sim. Se ele ficou desesperado e até quase chorou é porque, em seu julgamento, alguma coisa que não era tão “certa” assim ele fez, ou então simplesmente não se sentiu a vontade por conversar de uma maneira legal com alguém sem pensar que talvez só esse fato de conversar e sentir-se bem remeteria à uma “traição” e que isso não seria justo com você e o fulano se encheu de culpa e se desesperou porque na verdade ele nem fez algo de tão errado assim.

É isso geralmente que acontece com os casais e suas amizades, é claro que por uma questão de respeito, as pessoas acabam se afastando dos amigos, mas pêra ai, amigos não são apenas amigos? Então qual o problema? E muita gente finge estar bem, e por dentro bate uma “puta” saudade daquela conversa gostosa com fulano ou de fazer algo com ciclano que lhe trazia alegria e prazer. O prazer da vida está nas coisas que fazemos e nos fazem bem. Relacionar-se com as pessoas nos permite sair um pouco do nosso próprio mundo das idéias e teorias sobre as coisas, nos permite compartilhar de nossas coisas e agregar à isso um valor que pode vir desse relacionamento. Mas parece que o ser humano não consegue lidar com isso, às vezes, misturam as coisas só porque são corpos em movimento acham que tem que proporcionar prazer à esse corpo sempre e o prazer proporcionado ao corpo é sempre passageiro porque até o corpo se modifica com o tempo e o que fica é aquilo que nossa mente consegue absorver, somar e explodir diante de uma situação de orgasmo vivencial digamos assim. Aquele prazer advindo da simples alegria de ser, mas pensando na humanidade que isso proporciona, uma espécie de aproximação com o propósito pelo qual fomos criados. E qual seria este senão o fato de construirmos nossa história e nessa história guardarmos o que nos marcou como um tesouro, mesmo que tenha sido algo não muito legal, mas que em uma reflexão posterior nos proporcionou uma reflexão, e essa reflexão nos trouxe maturidade e a maturidade muda nosso olhar e nessa mudança enxergamos coisas que não se vêem com os olhos, mas vivemos com a alma, o coração.

Bom, mas voltando aqui à sua história. Acreditar nele ou não é com você. Pense nos momentos que passam juntos, ele te respeita? Você sente que ele ama você ou ao menos lhe quer bem o suficiente para manter um compromisso com fidelidade e sinceridade? Se você sente isso, que esteja bem claro para ele que se não for sua “praia”, que ele pegue sua prancha e vá procurar outras ondas porque com você não é assim.

Quando você joga para o parceiro a responsabilidade pela sua própria escolha, isso faz ele refletir e pensar realmente o que ele quer, porque não temos que ficar perdendo tempo com gente que não nos quer bem o suficiente ao ponto de serem honestos e sinceros. Se não ta legal que possamos largar as mãos e seguir estradas diferentes então. Mas pelo jeito ele deve ter se sentido sem graça com tudo isso. Observe como ele se comporta e enfatize a importância de terem uma relação regada à muita sinceridade, mas em um tom suave. Sei que é difícil segurar os ânimos, mas se criar situações de discussão, as portas para a conversa ficarão fechadas e ai as coisas podem começar a acontecer. Entendo que é ruim passar por situações que lhe causaram sofrimento, mas o que você sofreu foi em outros relacionamentos e não nesse, ter cautela é uma coisa, agora trazer toda essa carga de outros relacionamentos e não acreditar no seu namorado logo de cara talvez seja um pouco precipitado, e convenhamos que com portas fechadas para o diálogo fica difícil ver o que acontece dentro de cada um.  

 

Até mais!!

Márcio Oliveira

[email protected]
Meu Blog: As Palavras

Tem pressa para receber sua resposta? Deseja
atendimento personalizado e ao vivo? Assine um Plano VIP.

Perfil do orkut (recém criado): http://w
ww.orkut.com.br/Main#Profile?uid=6153601257327704676

Siga o Cérebro Masculino no twitter: http://twitter.com/CerebroMasc e
saiba instantaneamente quando o blog é atualizado.

Psicólogo, consultor de relacionamentos e quase Mestre pela USP-SP. Meio NERD, completo romântico, mas não abre mão de um intenso beijo na boca e um alinhamento entre coração, corpo e mente.

3 comentários No Namoro, amizade, desconfiança e afins

  • com interesse ou não dele o caso é o seguinte, a confiança é como vidro, ela não é flexivel, não é dobravel, não é mutavel e não é colavel… se ela se quebra ela nunca mais vai vilra a ser o mesmo que era, mesmo que você cole ela nunca vai ser a mesma então pare e pense se a sua confiança está inteira pois se não ela não vai mais ser a mesma… isso só cabe a você.

  • Eu só acho que quando homem fica no telefone durante muito tempo com uma mulher é porque sente algum interesse. Nem que esse interesse seja profissional 😛
    beijuss da sara

  • Acho que isso deveria ser bem explicado pra ela da parte dele..Pois ñ acho muito normal. Com certeza tem algo que o esta interessando.

Deixe uma resposta:

Your email address will not be published.