VALORIZE CADA MOMENTO DA VIDA

O TEMPO

Imagem retiada de: levibronze.blogspot.com

Li isso em um folheto que guardei, infelizmente não sei o autor, mas vou utilizar partes do seu texto para opinar sobre esse assunto: o tempo e valor que ele tem na nossa vida. “Imagine que você tenha uma conta corrente e a cada manhã você acorde com um saldo de R$ 86.400,00. Só que não é permitido transferir o saldo para o dia seguinte. Todas as noites o seu saldo é zerado, mesmo que você não tenha conseguido gastá-lo durante o dia. O que você faz?

Bom meninas… Primeiro pensei que poderia comprar muitas coisinhas com esse dinheirão todo, satisfaria todos os meus sonhos de consumo, viajaria por todo o mundo etc. etc. e tal. Mas logo voltei à cifra mencionada e pensei é muito para “euzinha” gastar sozinha e todos os dias, vai chegar uma hora que não terei mais o que fazer com tanto dinheiro em minha conta.

“Você iria gastar cada centavo, é claro!”

mda banner 2

“Todos nós somos clientes desse banco que estamos falando.”

“Se chama tempo.”

Minha nossa! Eu comecei agora a pensar que se esse crédito todo é na verdade o tempo que andei gastando durante todo o meu tempo de vida deveria parar de gastá-lo em coisas desnecessárias, deveria valorizá-lo e aproveitá-lo, vai que um dia já não me seja creditado tanto tempo?

“Todas as manhãs é creditado para cada um 86.400 segundos, todas as noites o saldo é debitado como perda, não é permitido acumular este saldo para o dia seguinte.”

“Todas as manhãs a sua conta é reiniciada, e todas as noites as sobras do dia se evaporam, não há volta. Você precisa gastar vivendo no presente o seu depósito diário.”

“Invista, então, no que for melhor, na saúde, na felicidade e sucesso, no amor, em você! O relógio está correndo. Faça o melhor para o seu dia- dia.”

Certo… Nem sempre eu gastei o “tempo” que me foi creditado de forma correta, algumas vezes o joguei na lata de lixo permanecendo mal humorada e outras vezes simplesmente fiquei jogada no sofá vendo televisão ou comendo uma barra enorme de chocolate para afastar a “deprê” ou outra coisa parecida. Mas o que mais me preocupou não foi o tempo que desperdicei, foi decidir o que fazer com o tempo que ainda me resta. Pensei em buscar coisas que me dessem prazer, comecei a ler mais, sorrir mais das bobeiras que ouvia e antes só sabia criticar, enfim agora sabia que teria que gastar esse presente que “Alguém” creditava na minha conta de forma mais proveitosa.

“Valorize cada momento que você tem! E valorize mais porque deve dividir com alguém especial. Especial suficiente para gastar o seu tempo junto com você.”

Hum… Então agora além de me preocupar em gastar o meu tempo eu teria também que decidir com quem compartilhar-lo. Esta parte da história é muito interessante já que nem sempre acertamos nessa eleição. Quantas de nós perdemos muito tempo com pessoas egoístas, invejosas, mentirosas e que só aproveitam para sacar da nossa conta o tempo que não gastamos com nós mesmos. Já pensou nisso?

“Lembre-se: O TEMPO NÃO ESPERA POR NINGUÉM.”

Um absurdo isso. Não podemos ter o controle daquilo que nos é creditado. Você pode estar de acordo com esse meu pensamento ou não. Mas acredito que em algum momento de sua vida já pensou assim também. Mas até para isso “Ele” tem explicação. Você já imaginou se é dado a um déspota a chance de controlar o seu próprio tempo. Deus é o único que pode controlar o seu crédito, porém permite que você o gaste da forma que quiser. Junto deposita em uma caderneta de poupança algo chamado Livre arbítrio e torce para que você também consiga usá-lo da forma mais sábia, amorosa e justa.

“Ontem é história. O amanhã é um mistério. O hoje é uma dádiva. Por isso é chamado de PRESENTE.”

Sara Mel

22/11/2010

[email protected]



SUGESTÃO DE VÍDEO:

DESCRIÇÃO: lindo vídeo da banda Oficina G3, música O tempo. Espero que vocês apreciem. Beijus da Sara

Jussara de Melo, escrevo nas categorias crônicas e poesia e espero utilizar esse espaço como forma de recuperar o romantismo, a sensibilidade e a formosura feminina que nós mulheres todas temos dentro de nós. Nos meus textos você encontrará: amor, desejo, emoção, fantasia, esperança e muita paixão. Frase preferida: Antes de falar, escute. Antes de ler, pense. Antes de criticar, espere. Antes de orar, perdoe. Antes de desistir, tente. E-mail: [email protected]

5 comentários No VALORIZE CADA MOMENTO DA VIDA

  • Gracias

  • Parabéns Day.
    Está utilizando o tempo de maneira sábia!
    chévere 😀

  • Tempo…..Esta aí, algo que todos tem, mas poucos valorizam, todos precisam, mas poucos sabem usar… Sempre tento “aproveitar o tempo”: com pessoas que amo, com coisas que gosto de fazer, e principalmente dedicar o melhor tempo pra Deus…
    Maravilhoso e sábio texto Sara….. Gostei mesmo!

  • Olá Afonso,
    Agradeço o seu comentário e também como você encontrei esse blog quando estava procurando encontrar respostas para algumas perguntinhas que martelavam minha cabeça feminina 😉
    Fui ficando, comentando… aliás comentando tudo….até que comecei escrevendo no espaço reservado para as leitoras.
    E aqui estou uns bons meses…
    Sou apaixonada pelo CM… e o português? Bom fazemos o melhor que podemos…porque nosso idioma amigo é repleto de armadilhas, vezes ou outra sou pega. 😀
    beijuss da Sara

  • Mel…
    Depois de procurar no motor de busca sobre cérebro humano…acerca de um estudo que estou a fazer…imagine!
    Encontrei um blogue fantástico…com pessoas fabulosas…
    mas direcionado para mulheres.
    Para quando uma página direcionada para homens????
    Vocês são uma equipa maravilhosa.
    Fiquei aqui…no seu texto…pela subtileza…pela sensibilidade postada…e pelo excelente português. Algo difícil de encontrar em blogues de raiz brasileira e às vezes em portugueses.

    Interessou-me essa dissertação sobre o Tempo.
    O presente.
    Talvez a coisa mais efémera que se conhece. Nem sei porque se chama de Presente.
    No fundo, ele não existe. Mal coloco uma letra…ela já é passado….
    Portanto…viver o presente…é complicado…
    digamos que interessa viver, sim, cada segundo, já que é uma unidade de tempo. Imposta pelos homens…
    E o melhor que possamos…nesta vida de passagem terrena..
    Para mais tarde recordar sómente, desses segundo bons…porque os menos bons…
    só têm uma finalidade!
    Aprendizagem…
    E nos lembrarmos desses segundos como algo positivo.
    O negativo transformado em positivo.
    Só assim se vive a verdadeira felicidade.
    A Luz. E avançarmos não na direção do finito…mas do infinito.
    Como seres que habitam o mesmo planeta….
    como irmãos e não como inimigos…e que um dia voltarão outra vez…sempre à busca da procura…
    do AMOR!
    Abraço fraterno

    AR

Deixe uma resposta:

Your email address will not be published.